Jovem é morto e outro ferido a tiros ambos têm 17 anos e são primos

Um jovem identificado por Alan Silva Junior, 17 anos morreu e o colega de iniciais I. F. S. da mesma idade ficou ferido a tiros no inicio da tarde desta quarta-feira, 13, numa estrada de acesso a Fazenda Brasileiro (dentro da caatinga) no município de Barrocas, no território do sisal.

Segundo a Polícia Militar, por volta das 13h o Pelotão foi informado pelo hospital municipal de Barrocas, via telefone, acerca de uma pessoa que dera entrada naquela unidade de saúde vitima de disparo de arma de fogo no local acima citado, constatou-se a veracidade da informação que se tratava do menor I.F.S. e interrogando a vitima, a guarnição foi informada da autoria do crime, que dois indivíduos a bordo de uma moto vermelha de placa não anotada, realizaram vários disparos de arma de fogo e que na sua companhia havia o primo Alan, segundo ele não sabia o seu paradeiro. O adolescente teria dito a PM também que Alan já havia tido uma rixa com o suposto autor, por uso de drogas.

De imediato a viatura foi até o local e realizou rondas na tentativa de localizar os possíveis autores, bem como o primo da vitima. Quando uma informação de populares que havia um corpo na caatinga, a guarnição então deslocou e confirmou a veracidade do fato que se tratava de Alan. Os possíveis autores não foram localizados.

Calila Notícias

Acidente na BA-052, entre Ipirá e Baixa Grande, deixa dois feridos

Por volta das 10 horas da manhã dessa terça feira, 12 de fevereiro de 2019, a equipe da ABOMPROCI foi acionada para atender uma ocorrência na altura do KM 135 da BA-052, entre Ipirá e Baixa Grande.

Ao chegar no local, constatou que dois veículos, sendo um Siena placa OKO-5028, licença de Aracaju e um veículo Nissan, placa OUU-7364, licença de Feira de Santana, se chocaram lateralmente e caíram na ribanceira.

Os dois ocupantes do veículo Nissan sofreram escoriações e foram encaminhados para o Hospital Municipal de Baixa Grande. Os ocupantes do outro automóvel, nada sofreram. agmar rios

Falta de coleta de lixo deixa ruas com mau cheiro e incomoda moradores em Ipirá

Além do cheiro desagradável, o acúmulo de lixo incomoda moradores de bairros periféricos em Ipirá. Na manhã terça-feira (12), o lixo que deveria ter sido coletado na noite de ontem (segunda) ainda estava nas calçadas de várias ruas à espera do caminhão.

De acordo com reclamações de moradores enviadas para a redação do site Ipirá Notícias, esse problema está acontecendo constantemente nas últimas semanas.

Eles relatam que, quando o caminhão não faz a coleta, o lixo fica acumulado nas ruas e gatos e cachorros acabam rasgando as sacolas, e devido a exposição de restos de alimentos em decomposição, o mau cheiro invade o interior das residencias causando desconforto, principalmente na hora das refeições.

A assessoria de comunicação da Prefeitura de Ipirá informou que houve um problema com o caminhão compactador e que a coleta de lixo já está sendo normalizada.

Por Ipirá Notícias

Homem é baleado após disparo acidental feito por irmão de 10 anos em Conceição do Coité

Um homem foi baleado após disparo acidental feito pelo irmão de 10 anos, na tarde de segunda-feira (11), na zona rural de Conceição do Coité, cidade a cerca 235 km de Salvador. Conforme registro no posto da Polícia Civil no Hospital Geral do Estado (HGE), a criança manuseava a arma.

Segundo informações da polícia, a vítima, identificada como Robson Cruz dos Santos, foi atingida na mão, por uma bala de chumbinho. A arma é de fabricação caseira.

De acordo com a polícia, Robson Santos foi socorrido e levado o HGE. O caso é investigado pela 15ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin), em Serrinha. g1ba

Ameaçada por ex-marido na BA, professora é protegida pela Ronda Maria da Penha há 3 anos

A professora Rosa Bouças é protegida pela Ronda Maria da Penha, em Salvador, há 3 anos. O atendimento começou depois que ela prestou queixa contra o ex-marido. O homem perseguia a professora e a ameaçava, porque não aceitava o fim do relacionamento.

O casamento de Rosa durou 35 anos. A separação foi a única escolha da professora para por fim a agressões físicas e psicológicas. Rosa conta que passou a se sentir mais segura desde que começou a ser protegida pela Ronda Maria da Penha.

"Eu sei que eu posso tá numa situação de risco, eu posso tá ligando e sei que eles vão estar prontos a atender", disse Rosa.

A Ronda Maria da Penha foi criada em março de 2015, em Salvador. Toda vez que uma mulher presta queixa e a Justiça concede uma medida protetiva, equipes de policiais passam a acompanhar a rotina dela pra evitar que o agressor chegue perto. Mais de 4 mil mulheres vítimas de violência foram atendidas pela ronda desde a criação dela.

"Boa parte da população já nos identifica. E a partir do momento em que um agressor sabe que a Ronda Maria da Penha tá acompanhando, ele já recua, porque ele sabe que a gente pode aparecer a qualquer momento", conta a subcomandante da Ronda, Paula Queirós.

Quando a vítima de agressão consegue uma medida protetiva, o acusado recebe logo um aviso de que não pode se aproximar da mulher, nem tentar entrar em contato. Ainda assim, tem quem desobedeça. E aí a Ronda entra em ação pra prender. De 2015 até agora, 161 agressores foram presos por descumprimento da medida protetiva. A pena é de três meses a dois anos de prisão.

O ex-marido da empresária Lívia Aragão, que já tinha sido preso duas vezes por descumprir a medida, nunca mais invadiu a casa dela. Amparada pela lei e pela Ronda, Lívia, aos poucos, vai se recuperando das agressões que sofreu. Atualmente, ela faz questão de contar a história.

"Por gratidão, pelo que me foi concedido, o socorro, eu venho pra ajudar, né. Eu me exponho pra ajudar as outras que estavam, que estão na mesma situação que eu estava: apanhando escondida", falou a empresária Lívia Aragão. g1ba

Homem é preso suspeito de estuprar filha de 12 anos na Bahia

Imagem Ilustrativa

Um homem foi preso suspeito de estuprar a filha, de 12 anos, na cidade de Teixeira de Freitas, região sul da Bahia, no domingo (11).

De acordo com a polícia, Wemerson Damásio Coimbra, 33 anos, foi localizado no bairro Nova Teixeira, após vizinhos escutarem gritos da menina e acionarem a polícia. Ele foi encaminhado para a delegacia da cidade, onde permanece preso.

De acordo com a polícia, a adolescente relatou que foi a quarta vez que ela foi abusada pelo pai. A mãe da criança está viajando. A menina passou por exames médicos e está na casa de parentes. Ela é acompanhada por representantes do Conselho Tutelar da cidade. g1ba

Advogado espanca policial após confusão em festa na BA e usa arma da vítima para tentar balear outro homem

Um policial civil foi espancado por um advogado após uma discussão, na noite do domingo (10), na cidade de Feira de Santana, a cerca de 100 km de Salvador. As agressões ocorreram no estacionamento de uma casa de shows, onde ocorria uma festa que os dois participavam. De acordo com a Polícia Civil, a briga teria começado durante o evento.

Em seguida, o policial vai embora, mas o suspeito parece provocar, e a vítima volta. Os dois trocam socos. Depois, o policial cai no chão e o advogado começa a chutar a vítima.

Depois, o advogado segue agredindo o policial, que parece estar desacordado. A mulher tenta evitar as agressões também, mas não consegue. Após o ataque, o advogado vai embora com a arma do policial, que foi encontrada horas depois, abandonada na rua. Toda a confusão durou cerca de 3 minutos.

Após as agressões, Sérgio foi socorrido e levado para um hospital particular de Feira de Santana, onde segue internado nesta segunda-feira. A família contou à reportagem que o estado de saúde dele é estável.

O caso está sob investigação da Polícia Civil, que já ouviu oito testemunhas. Entre elas, a mulher do policial, que estava com ele na festa. Ela prestou depoimento na tarde desta segunda-feira.

A polícia não divulgou o nome do suspeito para não atrapalhar as investigações. O advogado é considerado foragido, e pode responder por dupla tentativa de homicídio - contra o policial e contra o caminhoneiro.

A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) em Feira de Santana informou que o suspeito pode ter a carteira cassada, se for condenado pelo crime. g1ba

Guaratinga, no sul da BA, tem 2º tremor de terra em menos de 15 dias; abalo alcançou 2,1 na escala Richter

A cidade de Guaratinga, no sul da Bahia, teve outro tremor de terra no início da tarde desta segunda-feira (11). De acordo com Centro de Sismologia da Universidade de São Paulo (USP), o abalo alcançou 2,1 na escala Richter. Este é o segundo tremor registrado no município em menos de 15 dias. Ninguém ficou ferido.

De acordo com os moradores da região, o fenômeno desta segunda-feira ocorreu por volta das 12h, e durou alguns segundos. A população conta que ouviu um estrondo e, em seguida, o chão tremeu. Os moradores da cidade ficaram assustados. Contudo, de acordo com a Defesa Civil da cidade, não houve danos materiais.

O primeiro tremor em Guaratinga ocorreu no dia 28 de janeiro, e alcançou 2,5 na escala Richter. Uma semana depois, no dia 4 de fevereiro, uma rocha se desprendeu de uma montanha, entre os povoados de São João do Sul e Buranhém, na zona rural do município. Ninguém ficou ferido.

A suspeita da Defesa Civil é de que o primeiro tremor de terra tenha provocado a queda da rocha. O órgão pediu um estudo geológico à prefeitura para saber se há risco de novos desprendimentos de rochas.

Ainda de acordo com a Defesa Civil, essa foi a segunda vez que o problema aconteceu nessa área. Em maio do ano passado, parte da rocha cedeu e causou uma avalanche de pedras. g1ba

Homem é morto com golpe de faca próximo ao povoado de Viração, Baixa Grande-Ba

Na tarde deste sábado, 09 de fevereiro de 2019, um homem foi morto a facada próxima ao povoado de Viração, no município de Baixa Grande-BA

De acordo com informações de populares, a vítima foi identificada como Almir Gonçalves de Lima, conhecido como Mi, de 45 anos. Ele morava próximo ao povoado do Mandacaru.

O corpo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) para os procedimentos de praxe. O sepultamento será realizado na tarde deste domingo (10), no cemitério do Mandacaru.

Por: Projeto Mandacaru

Mulher é assassinada a facadas dentro de casa em Capim Grosso

Segundo informações preliminares, uma mulher identificada pelo prenome Tamires, de idade não informada, foi encontrada morta na tarde deste domingo (10), dentro de sua residência no bairro Planaltino, em Capim Grosso, na região de Jacobina. As informações são do blog Ril de Beto.

Tamires teria sido assassinada a golpes de faca, no interior da casa, porém a autoria ainda está sendo investigada. A suspeita até o momento é de que o crime tenha caráter passional.

Com informações do Blog do Ril de Beto

Idosa de 75 anos é amarrada e espancada durante assalto em Ipirá

Uma idosa conhecida como Carminha, de 75 ano. foi espancada por três homens no povoado Nova Brasília, município de Ipirá. O crime aconteceu na última quinta-feira (7), mas o caso só foi divulgado neste sábado (9), quando familiares da idosa procuraram a imprensa para cobrar da polícia mais segurança na comunidade. As informações são do site VR14.

Os criminosos amarraram, amordaçaram e espancaram a idoso para roubar dela um celular e R$ 1.100,00. Após o crime, eles fugiram do local. Foi quando a idosa conseguiu se desamarrar e fugir. Ainda segundo o VR14, tanto a vítima quanto familiares autorizaram a veiculação da imagem na imprensa, como forma de "chamar atenção da polícia" para a insegurança na comunidade.

"A gente quer divulgar essa foto para chamar a atenção da polícia de Ipirá, que a gente acionou e não veio. E dias depois os meliantes voltaram para o povoado. Queremos que polícia venha fazer mais rondas no povoado”, contou um parente da idosa.

Redação Jacobina Notícias

Quase quatro milhões de hectares de vegetação nativa continuam intocados na região oeste da BA

Quase quatro milhões de hectares de vegetação nativa da região oeste da Bahia, principal polo agrícola do estado, continuam intocados, aponta um estudo da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa).

A pesquisa analisou um total de 11,6 milhões de hectares de terra, e concluiu que, cerca de 2,3 milhões de hectares, são exclusivamente de reserva legal e 64% da biodiversidade local são preservadas pelos agricultores.

Ainda segundo a Embrapa, boa parte desses números são resultados de inciativas e apoios dos próprios agricultores nos últimos 10 anos, desde quando passaram a trabalhar em parceria com órgãos ambientais e poderes públicos para garantir a política de preservação da biodiversidade da região.

Aplicação de modernas tecnologias, ações de impacto para preservar a vegetação e os recursos hídricos, “barraginhas” para contenção da água das chuvas são ações desenvolvidas entre as parcerias no local.

A utilização dos recursos hídricos de forma legal, evitando o desperdício ou o uso desnecessário de água na plantação, é um outro tipo de ação comum pelos agricultores. Do total de 2,6 milhões de área plantada, 180 mil são irrigados. Ou seja, somente 8% são irrigados. g1ba

Nove suspeitos de tráfico são presos com drogas em festa dentro de condomínio de luxo na BA

Nove suspeitos de tráfico foram presos com drogas, no sábado (9), durante uma festa realizada em um condomínio de luxo, na localidade de Barra do Jacuípe, em Camaçari, cidade na região metropolitana de Salvador.

Segundo a Secretaria da Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), a polícia chegou ao local após denúncias. Entre os envolvidos, estavam oito homens e uma mulher. Os suspeitos seriam integrantes de organização criminosa que atua na cidade de Simões Filho, também na região metropolitana.

Com o grupo, segundo a SSP, foram apreendidas 121 pedras de crack, cinco pinos de cocaína, sete trouxas de maconha, balança, embalagens plásticas, celulares e pouco mais de R$ 1 mil reais em espécie. O material e os suspeitos foram apresentados na delegacia da Polícia Civil da região. g1ba

Mãe presa por tentar vender garoto de 12 anos por R$ 70 mil por 'raiva' é solta pela Justiça

A mulher que foi presa no município de Santa Maria da Vitória, no oeste da Bahia, por ter vendido o filho de 12 anos por R$ 70 mil foi liberada, na sexta-feira (8), por decisão da Justiça.

Maria Rocha Roque recebeu liberdade provisória e vai responder ao processo fora da cadeia, segundo informou o delegado Leyvinson Rodrigues, que investiga o crime. Ele ainda informou que a criança está com a avó materna na cidade de Botuporã.

Na tarde de quarta-feira (6), Sinvaldo Lenes Vieira, de 71 anos, suspeito de negociar a compra do garoto com a mãe da criança, também foi liberado da cadeia após pagar uma fiança de dois salários mínimos, o que corresponde ao valor de R$ 1.996.

De acordo com informações da polícia, a prisão da mãe do adolescente, Maria Roque Rocha, também era afiançável, mas a suspeita alegou não ter condições financeiras para fazer o pagamento.

No dia 22 de janeiro, a Polícia Civil concluiu o inquérito e indiciou Maria Rocha Roque por tráfico de pessoas, abandono de incapaz e comunicação falsa de crime. Já Sinvaldo Vieira foi indiciado por tráfico de pessoas, mesmo após ter negado a participação no crime.

De acordo com o delegado Alexandre Haas, que também apura o caso, o inquérito foi enviado para o Ministério Público da Bahia (MP-BA), que pediu novas diligências.

A Polícia Civil informou que, agora, serão concluídas as diligências requeridas e, depois, o inquérito será enviado novamente ao MP para que o órgão denuncie os dois suspeitos ou peça o arquivamento do caso.

De acordo com o delegado Alexandre Haas, Sinvaldo foi acusado pela mãe do garoto em depoimento na delegacia. Também em depoimento, Maria revelou que venderia o adolescente por raiva, porque o garoto é fruto de um estupro. A polícia não tem informações sobre quem teria sido o autor do abuso.

[Leia mais em G1 BA]

Acidente envolvendo van e Mobi deixa 5 feridos na Bahia

Um acidente na BR-324, trecho que liga a cidade de Riachão do Jacuípe a Nova Fátima, na tarde desta sexta-feira, 8, deixou cinco pessoas feridas, quatro que seguiam no Fiat Mobi e um motorista de uma van que aparentemente era zero quilômetros, pois, não possuíam placas e os bancos estavam todos ainda com os plásticos.

De acordo com a Brigada Voluntária Anjos Jacuipenses, a equipe foi acionada às 16h17 para socorrer as vítimas do acidente que aconteceu no quebra-molas que fica em frente ao Frijacuípe e ao chegar encontrou os ocupantes dos dois veículos precisando de ajuda, mas o caso mais preocupante foi do motorista da van que ficou preso nas ferragens e os socorristas tiveram trabalho de abrir a porta, ele sangrava pela boca e ouvidos e sofreu uma pancada muito forte no tórax.

Os ocupantes do Mobi em situações menos graves também foram socorridas para o Hospital Municipal de Riachão do Jacuípe, apenas o motorista ficou no local.

Os socorristas disseram ao Calila Noticias que não tiveram informações precisas de como ocorreu o acidente, no entanto ouviram comentários que o acidente teria ocorrido quando a van bateu no fundo de um carro de grande porte, caminhão ou carreta, possivelmente depois de reduzir a velocidade para passar no quebra-molas, e o Fiat Mobi que seguia atrás teria colidido no fundo da van, acidente tipo engavetamento.


Redação CN

Idosa morre por infarto e filho acusa médico do Samu de negligência após ele sugerir que mulher poderia estar bêbada

O cabeleireiro Jocevaldo Ferreira Soares, de 51 anos, morador do bairro de Massaranduba, em Salvador, perdeu a mãe no dia 19 de janeiro, vítima de um infarto, e acusa um médico do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) de negligência, por ele não ter enviado uma ambulância para socorrer a mulher quando ela passou mal em casa. Além disso, enquanto falava com Jocevaldo no telefone, quando ele ligou para pedir socorro para a mãe, o médico sugeriu que a idosa poderia estar bêbada. Jocevaldo gravou com o celular a ligação que fez para o Samu no dia em que a mãe, Dulce Ferreira do Sacramento, precisou de ajuda. No áudio, que tem pouco mais de 6 minutos, Jocevaldo primeiro conversa com uma atendente e explica a situação.
Em seguida a atendente passa a ligação para o médico, que se identificou como Vítor. “Ele começou a fazer perguntas repetidas, e eu disse que minha mãe precisava de urgência. Ele se exaltou, sugeriu que minha mãe pudesse estar bêbada e disse que se eu não me acalmasse não iria mandar nenhuma ambulância”, afirmou. Com pressa para socorrer a mãe, Jocevaldo diz que pegou a idosa e colocou no carro do irmão, e a levou para a UPA de São Marcos, mas ela já chegou na unidade sem vida.

“Ela estava na casa dela quando começou a passar mal, por volta das 6h. Meu irmão chegou aqui em casa desesperado para falar que ela tinha desmaiado. Ela estava desfalecendo, e eu peguei o celular e liguei para o Samu. Meu celular tem um aplicativo que grava ligações automaticamente. E aí aconteceu isso”, relatou. Jocevaldo diz que a mãe já tinha se queixado anteriormente de dores no peito esquerdo e cansaço, mas afirma que um exame que ela fez não indicou nenhum problema. Ele disse que só divulgou o caso agora, porque antes estava muito abalado. "Não quero que isso venha a acontecer com outra pessoa. Foi um descaso, uma situação confrangedora", afirma


Em nota, a Secretaria Municipal da Saúde (SMS) afirmou que "a conduta do profissional do Samu está fora do atendimento preconizado pelo órgão". A secretaria ainda destacou que a coordenação do Samu tomou conhecimento do fato no mesmo dia da ocorrência, através do próprio médico envolvido no episódio, que relatou o ocorrido. A SMS também informou que o profissional nunca apresentou qualquer conduta irregular e que é um colaborador dedicado ao Samu. A nota é finalizada, afirmando que o profissional advertido, afastado e passou por uma oficina sobre os protocolos padrões de assistência de urgência e emergência com foco no atendimento humanizado à população. Após esta etapa, ele poderá retornar às atividades. (G1 Bahia)

Suspeito de negociar com mãe compra de garoto de 12 anos na BA é solto após pagar fiança

O suspeito de negociar a compra de um garoto de 12 anos, que seria vendido pela mãe por R$ 70 mil, foi liberado após pagar uma fiança de dois salários mínimos, o que corresponde ao valor de R$ 1.996. Segundo a Polícia Civil, Sinvaldo Lenes Vieira, deixou a delegacia de Santa Maria da Vitória, na tarde de quarta-feira (6).

De acordo com informações da polícia, a prisão da mãe do adolescente, Maria Roque Rocha, também é afiançável, mas a suspeita alegou não ter condições financeiras para fazer o pagamento.

De acordo com o delegado Alexandre Haas, o inquérito foi enviado para o Ministério Público da Bahia (MP-BA), que pediu novas diligências. Entretanto, não há detalhamento sobre o que seria investigado já que o processo continua na Justiça.

De acordo com o delegado Alexandre Haas, Sinvaldo foi acusado pela mãe do garoto em depoimento na delegacia. Também em depoimento, Maria revelou que venderia o adolescente por raiva, porque o garoto é fruto de um estupro. A polícia não tem informações sobre quem teria sido o autor do abuso.

g1ba

Justiça autoriza mulher a cultivar maconha para tratar filho de 5 anos que tem autismo

Uma moradora da cidade de Porto Seguro, no sul da Bahia, conseguiu uma autorização judicial para cultivar, para fins terapêuticos, a planta Cannabis Sativa, a maconha, para ser usada no tratamento do filho, de cinco anos, diagnosticado com autismo severo. A informação foi divulgada pela Defensoria Pública do Estado da Bahia (DPE/BA), que viabilizou a decisão através de Habeas Corpus Preventivo.

Conforme o órgão, a decisão da Justiça saiu no dia 30 de janeiro e foi publicada no Diário Eletrônico da Justiça em 1º de fevereiro. No entanto, a Defensoria só tomou conhecimento da decisão na quarta-feira (6).

Conforme a DPE, a criança beneficiada pela autorização judicial faz o uso de óleo de cânhamo desde dezembro de 2016, em razão de Transtorno do Espectro Autista – TEA e hiperatividade (autismo severo). O uso do produto à base de maconha gerou melhora significativa nos sintomas apresentados pela criança, informou a Defensoria.

Apesar de a mãe da criança possuir autorização da Anvisa para importar o medicamento CIBDEX HEMP CBD, ela não tinha condições financeiras para arcar com a importação. Assim, a Defensoria Pública verificou que o medicamento não era fornecido pelo SUS e que havia precedentes judiciais no país para permitir o plantio.

De acordo com o defensor público Matheus Mazzilli Fassy, autor do Habeas Corpus, o Estado não fornece o medicamento à base do Canabidiol, nunca regulamentou o seu fornecimento, mas, por outro lado, criminaliza a conduta de quem cultiva a planta Cannabis Sativa para fins medicinais. O processo da criança corre sob segredo de Justiça.

“Desta forma, a impetração do Habeas Corpus é medida paliativa apta a assegurar o direito à saúde e à vida digna da criança, pois a decisão judicial permitiu o cultivo de plantas suficientes para produção artesanal do óleo de cânhamo”, ressaltou a DPE, em nota enviada à imprensa.

Fonte: G1BA

Jacobina: mineradora realiza primeiro simulado de emergência em barragem de rejeitos

Um simulado de emergência da barragem de rejeitos da Jacobina Mineração e Comércio (JMC), acontecerá no próximo dia 22, em Jacobina, no Centro-Norte Baiano. Na cidade, estão duas barragens de rejeitos de mineração, uma ao lado da outra, denominadas de BI e BII, a primeira em processo de fechamento e a segunda em atividade.

Este será o primeiro simulado de barragens no estado. No dia anterior ao simulado (21), acontece um treinamento realizado pela JMC com instituições e representantes da comunidade.

A atividade será acompanhada pelo Ministério Público da Bahia (MP-BA), por meio do promotor de Justiça Pablo Almeida. “O MP irá avaliar, juntamente com a empresa e os demais órgãos públicos, as oportunidades de melhorias para atendimento de eventuais emergências”.

O simulado estava agendado para ocorrer em dezembro, mas foi suspenso por causa das chuvas e da decretação de situação de emergência pelo Município. Em setembro de 2018, equipe técnica da Central de Apoio Técnico (Ceat), do MP-BA, realizou inspeção no local.

No último dia 22 de janeiro, o promotor de Justiça esteve no complexo para participar de reunião e inspecionou as duas barragens de rejeitos da empresa. Em razão das discussões da reunião, foram adquiridas sirenes de emergência para implantação no local, em continuidade ao trabalho de sinalização das áreas de risco e pontos de encontro.

O BNews procurou a empresa canadense após o crime ambiental ocorrido em Brumadinho, em Minas Gerais, quando uma barragem de rejeitos rompeu deixando, até esta quinta-feira (7), 150 mortos.

“A barragem de rejeitos da Jacobina Mineração e Comércio está segura e operando de acordo com o projeto. Suas barragens possuem tecnologia diferente da que se rompeu na mina Córrego do Feijão, em Brumadinho-MG. O método de construção utilizado pela empresa é reconhecidamente de menor risco (alteamentos à jusante ou linha de centro)”, tranquiliza.

Bocão News

Cidade da BA tem chuva de granizo e ventos de até 60 km/h

Uma chuva de granizo caiu no município da cidade de Boninal, localizado na região da Chapada Diamantina, na Bahia, na terça-feira (5). O temporal veio acompanhado de ventos que chegaram a até 60 km/h.

Imagens enviadas por moradores mostram que algumas ruas da cidade ficaram alagadas por conta da chuva e houve registro de queda de árvores.

Nas imagens, também é possível ver que um carro teve parte da lataria amassada por conta da queda de uma árvore. Não houve registro de feridos.

O granizo é produzido geralmente em nuvens formadas pelo excesso de calor armazenado na atmosfera e a umidade do ar elevada. A gota de água encontra um ponto de congelamento e se junta com outras gotas, formando assim, as pedras de gelo.

Essas nuvens, com elevação vertical, sempre possuem gelo no seu interior. Nem sempre esse gelo cai. Porém, quando existe uma aglomeração de gelo, ele se desprende da nuvem e acaba caindo.

A previsão é de que, nesta quarta-feira, pode voltar a chover em Boninal, mas sem presença de granizo. g1ba

Informações Adicionais

Veja Baixa Grande