Polícia de SP mata 10 em confronto com quadrilha no Morumbi

 

Dez suspeitos foram mortos em um confronto com policiais civis na região do Morumbi, bairro nobre na Zona Sul de São Paulo, na noite deste domingo (3). Não há relatos de sobreviventes entre os suspeitos. Nenhum policial do Grupo Armado de Repressão a Roubos e Assaltos (Garra), responsável pela operação, ficou ferido.

De acordo com informações da Polícia Civil, os bandidos integravam uma quadrilha especializada em roubos a residência e vinham sendo monitorados por suspeitas de atuarem na região. Eles já teriam promovido ao menos 20 assaltos do tipo e foram abordados após uma nova ação criminosa.

O grupo atuava em bairros nobres de capital, especialmente Morumbi e Jardim Europa, e em condomínios de luxo na Grande São Paulo, como Cotia e Barueri, segundo nota da Secretaria da Segurança Pública (veja íntegra abaixo).

Nesta noite de domingo a quadrilha invadiu uma casa na Rua Puréus onde estavam quatro moradores, sendo três adultos e uma criança. Os bandidos tentavam abrir um cofre quando foram avisados por comparsas que estavam do lado de fora sobre uma movimentação suspeita perto do imóvel. Eles abortaram o roubo e saíram sem levar nada.

Confronto em rua


Na fuga, o grupo foi perseguido pelo Garra. O tiroteio aconteceu na Rua Pirapó, próximo à Praça Alfredo Volpi, por volta das 19h30, segundo moradores. Os criminosos usavam dois carros, um Hyundai Santa Fé e um Fiat Toro. Eles tinham se deslocado poucos metros, já que a tentativa de roubo foi na quadra vizinha, na Rua Puréus.


Na tentativa de escapar, o motorista que dirigia a Santa Fé colidiu com um poste. Já aquele que dirigia o Fiat Toro bateu em um carro descaracterizado da Polícia Civil. Uma caminhonete Toyota Hilux que estava estacionada na Rua Pirapó também foi atingida pela colisão e pelos disparos.

Os assaltantes estavam armados com quatro fuzis e alguns usavam coletes, segundo o relato dos investigadores. Eles tentaram resistir à ação dos policiais.

No confronto, carros das equipes do Garra, grupo de elite da Polícia Civil, foram atingidos por disparos. Cinco criminosos foram baleados dentro de um dos utilitários, enquanto outros três foram mortos dentro do segundo carro. Outros dois suspeitos tentaram fugir correndo e foram atingidos na rua, fora dos veículos.
[G1SP]

www.vejabaixagrande.com.br

Meia Maratona da Independência vai ser realizada em Baixa Grande-BA

Venha prestigiar na próxima quinta-feira, 7 de setembro de 2017 a Meia Maratona da independência em Baixa Grande, será às 7h com saída de frente a prefeitura, indo até o contorno do Novo Horizonte e retornado para o ponto de saída.

Organização: Marcelo Barbosa
Inscrição na hora da largada

PREMIAÇÕES
1º Lugar = R$ 500,00 + Troféu
2º Lugar = R$ 300,00 + Troféu
3º Lugar = R$ 200,00 + Troféu

www.baciadojacuipe.com.br 

Por: Ediomário Catureba

www.vejabaixagrande.com.br

 

Baixa Grande-BA: Homem que transportava 120 quilos de maconha em carro é morto após reagir a abordagem policial

Um homem que transportava 130 quilos de maconha em um carro foi morto após reagir a abordagem policial, na tarde do último sábado (2), na BA-052, região da cidade de Baixa Grande, a cerca de 260 quilômetros de Salvador.
Segundo informações da Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA), com Valnei Felipe dos Santos, 41 anos, foi apreendido um revólver calibre 38.

A droga saiu de Irecê, cidade que fica a cerca de 220 quilômetros de Baixa Grande, e tinha Salvador como com destino. Através da sua assessoria, o major Marcelo Barreto, coordenador da Força Tarefa da Secretaria da Segurança Pública e Polícia Federal que atuou no caso, informou que o suspesito morto na ção já vinha sendo monitorado.

Todo o material apreendido foi apresentado na Delegacia Territorial de Baixa Grande. Na unidade, foi verificado que Valnei possuía passagens por roubos em Salvador e região metropolitana.

[G1 BA]

www.vejabaixagrande.com.br

Estudante se fere após celular explodir enquanto ele dormia

O estudante de medicina Frederico Luiz Quixabeira Camargo, de 22 anos, sofreu queimaduras de segundo grau após o celular dele explodir debaixo do travesseiro enquanto dormia. Os ferimentos foram no braço e no ombro. Parte do colchão pegou fogo. “Só não queimou meu rosto graças ao travesseiro”.

O acidente foi na madrugada deste sábado (2), em Palmas – capital do estado de Tocantins. Frederico relembra a situação e conta que acordou com o susto. “Acordei como se fosse um pesadelo. Só vi o clarão e ouvi o barulho. Meus irmãos acharam que tivesse sido um tiro. Começou a pegar fogo no meu colchão e o celular ficou destruído tanto que a bateria afundou para dentro do colchão”, conta.

O jovem reconhece que esse foi o maior susto. “Durmo com o celular por causa do despertador. Esse aparelho não foi feito para ficar explodindo assim”, lamenta. O estudante foi levado para um hospital particular. A reportagem entrou em contato com o Corpo de Bombeiros, que falou sobre o perigo de carregar baterias de eletroeletrônicos próximo do corpo.

“O ideal é recarregar esses tipos de aparelhos com a bateria desligada por causa do aquecimento. Se tivesse queimado mais o colchão o fogo poderia ficar incontrolável e atingir a casa dele”, diz a tenente Ollyana Manzi. (Informações do G1TO/ Foto: Arquivo Pessoal/Frederico Luiz).

www.vejabaixagrande.com.br

Homem acerta companheira com bolsa durante briga, e ela morre após cair debaixo de caminhão em Eunápolis-BA

Uma mulher de 41 anos, moradora de rua, morreu ao cair debaixo de um caminhão após ser agredida e se desequilibrar durante uma briga com o companheiro dela, em uma rua movimentada de Eunápolis, região sul da Bahia.

Segundo o delegado que investiga o caso, o homem bateu com uma bolsa na cabeça dela, que acabou caindo na rua, no exato momento em que passava um caminhão. O veículo atingiu a vítima, que morreu na hora. O caso aconteceu na manhã de sexta-feira (1º), na Avenida Princesa Isabel, no bairro Pequi.

Ainda de acordo com Marivaldo Felipe, delegado que está à frente das investigações, após analisar as imagens, ele chegou à conclusão de que houve uma “fatalidade” e que o agressor não teve a intenção de que a mulher fosse atingida pelo veículo. Após o atropelamento, o homem saiu correndo, mas foi alcançado pela Polícia Militar, e preso. Ele foi autuado em flagrante por lesão corporal seguida de morte.

“Eles começaram a discutir, trocaram agressões. Ele bateu com a bolsa na cabeça dela, ela caiu, ia passando caminhão e passou por cima dela”, detalha o delegado. Marivaldo afirma ainda que o agressor correu por medo de ser linchado por pessoas que estavam no local.
Ainda conforme a polícia, o casal estava junto há três anos e vivia em situação de rua na cidade de Eunápolis.

Em depoimento, o motorista do caminhão disse à polícia que não teve como evitar o acidente porque quando a mulher se desequilibrou estava fora do campo de visão dele.

Fonte: G1

www.vejabaixagrande.com.br

Para proteger avó, adolescente atira e mata o pai em Esplanada-BA, diz polícia

Um médico foi morto por tiros disparados pelo filho adolescente durante uma briga de família, dentro da residência onde o garoto estava com a avó e a mãe, na cidade de Esplanada, a cerca de 165 km de Salvador, na tarde de sábado (1º).

Segundo a polícia, o médico estava recentemente separado da mulher, também médica, e invadiu armado a casa para onde ela havia se mudado há três dias, e teria agredido a sogra com um soco. Na tentativa de se defender e proteger a avó, o adolescente pegou um revólver e atirou contra o pai, que morreu no local.

O delegado Wagner Marinho, que está à frente das investigações, afirmou que, conforme os depoimentos colhidos, o médico possuía um histórico de agressões contra a mulher. Ele invadiu a casa por estar inconformado com a mudança da mulher para outro lugar. O crime ocorreu na residência que fica em um condomínio fechado, por volta das 15h30 de sábado.

O garoto foi encaminhado para a delegacia de Esplanada, na companhia da família, e aguarda definição do Ministério Público sobre o caso. De acordo com o delegado, as circunstâncias apuradas apontam para o ato em legítima defesa. Ainda conforme a polícia, o revólver usado pelo adolescente foi dado a ele pelo próprio pai há alguns anos.

A polícia detalhou que a sogra do médico não morava na cidade de Esplanada, mas chegou à cidade neste fim de semana para apoiar e fazer companhia à filha, que tinha saído de casa.

[G1 BA]

www.vejabaixagrande.com.br

Acidente com ônibus que ia de Alagoas para SP deixa ao menos seis mortos em Minas

Um grave acidente com um ônibus matou, ao menos, seis pessoas na madrugada deste sábado na BR-146, em Serra do Salitre, na Região do Alto Paranaíba, Minas Gerais. O veículo saiu para fora da pista e caiu em uma vala de aproximadamente quatro metros de profundidade. No coletivo, estavam 46 passageiros. O número de pessoas feridas ainda não foi contabilizado. As causas da ocorrência ainda estão sendo apuradas.O acidente aconteceu por volta das 2h. De acordo com o Corpo de Bombeiros, o veículo saiu de Alagoas e seguia em direção a São Paulo. Testemunhas afirmaram que o veículo seguia pela rodovia quando o motorista perdeu o controle da direção.

Um grande aparato do Corpo de Bombeiros, do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), e ambulâncias de municípios próximos ao local, foi mobilizado para atender as vítimas. No local foram confirmadas quatro mortes, sendo três homens e uma mulher. De acordo com a Polícia Militar Rodoviária (PMRv), ao menos outras duas pessoas perderam a vida em hospitais da região. Os nomes das vítimas não foram informados.

Ainda segundo a PMRv, outras 27 pessoas, entre adultos e crianças ficaram feridas e foram encaminhadas hospitais de Patos de Minas, Patrocínio, Serra do Salitre e Araxá. Os estados de saúde das vítimas não foram informados.
De acordo com o Corpo de Bombeiros, os corpos das vítimas ficaram embaixo do veículo tombado, o que dificultou os trabalhos. Por isso, foi preciso a ajuda de um guincho para levantar o coletivo. Os corpos foram encaminhados para o Instituto Médico Legal (IML) de Patrocínio.

As causas do acidente ainda estão sendo apuradas pela polícia. Segundo a PMRv, as avaliações iniciais feitas pelos policiais é de que o veículo teve um problema mecânico. Porém, somente a perícia poderá dizer quais as circunstância. (Informações do Estado de Minas e G1).

www.vejabaixagrande.com.br

Suspeito de distribuir drogas em cidade da BA, motoboy é preso com 200 kg de maconha em imóvel

Um homem de 35 anos foi preso com 200 kg de maconha por policiais militares da Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe)/ Mata Atlântica. Conforme a polícia, a prisão ocorreu no final da tarde de quinta-feira (31), na cidade de Teixeira de Freitas, no sul da Bahia.
Segundo a polícia, o homem atua como motoboy no município e é suspeito de ser um dos principais distribuidores de droga na região. Ele foi preso após denúncia anônima.
Conforme a polícia, quando os PMs chegaram na Rua Ministro Carvalho Filho, no bairro Mirante do Rio, local apontado pelo denunciante, viram o motoboy entrando em um imóvel e resolveram abordá-lo. Após a abordagem, os policiais revistaram o imóvel e encontraram, além dos tabletes que totalizaram 200 kg de maconha, outros produtos que ligam o homem ao tráfico de drogas, como balança de precisão e embalagens.
O suspeito foi conduzido, juntamente com todo o material apreendido, para a Delegacia Territorial de Teixeira de Freitas.

[g1bahia]

www.vejabaixagrande.com.br

Homem é preso em Camacan-BA, suspeito de estuprar criança de 6 anos; embriagada, mãe não viu crime, diz polícia

Ilustração

Um trabalhador rural foi preso suspeito de estuprar uma menina de 6 anos no município de Camacan, localizado na região sul da Bahia. De acordo com informações da Polícia Militar do município, a mãe da criança estaria embriagada no momento do crime e não viu o abuso, que ocorreu dentro da casa da vítima.

O crime aconteceu por volta das 20h da sexta-feira (1º), no distrito de São João da Panelinha, na zona rural do município. Conforme a PM, vizinhos contaram que a menina estava dormindo em casa quando o suspeito, José Borges de Souza, de 35 anos, entrou no imóvel e estuprou a criança. A mãe também estaria dormindo e não percebeu. A polícia não soube informar se o pai da menina também mora na mesma residência.

Depois do crime, ainda segundo relato de testemunhas, a criança saiu da residência chorando e uma vizinha perguntou o que tinha acontecido. Depois, a vizinha chamou a polícia. O suspeito foi preso em flagrante e levado para a delegacia da cidade. Ele vai responder pelo crime de estupro de vulnerável.

O Conselho Tutelar de Camacan informou que a criança está sob os cuidados do órgão e que será levada para a cidade vizinha de Itabuna, também na região sul, para realização de exame de corpo de delito. O Conselho também informou que há a possibilidade da mãe perder a guarda da menina.

O Conselho também informou que vai encaminhar o caso para o Ministério Público e que está procurando outros familiares da criança para que possam ficar com a menina temporariamente, até que o destino dela seja definido pela Justiça.

[G1 BA]

www.vejabaixagrande.com.br

Dois bebês morrem em maternidade pública de Juazeiro em um período de 11 dias

Dois bebês morreram na maternidade de Juazeiro, no norte do estado, em um período de 11 dias.

O primeiro caso ocorreu no último dia 20 de agosto e foi denunciado pelo pai da criança. Já o segundo caso ocorreu na última quinta-feira (31), e foi divulgado nesta sexta-feira (1°), pela Secretaria de Saúde de Juazeiro.

Após a denúncia da primeira morte, outras famílias procuraram o Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA) para denunciar a unidade e o MP solicitou uma inspeção no local.

A Secretaria de Saúde Municipal também informou que um profissional foi afastado por conduta negligente e uma sindicância foi instaurada para apurar irregularidades.

A Maternidade e Hospital da Criança de Juazeiro é a única pública da cidade e atende 53 municípios da região.

[Varela Notícias]

www.vejabaixagrande.com.br

Dez trabalhadores mantidos em condições análogas à escravidão são resgatados na Bahia

Nesta sexta-feira (1º), dez trabalhadores foram resgatados em uma fazenda localizada na cidade de Uruçuca, no sul da Bahia, após denúncias de estarem mantidos em condição análoga à de escravidão.

A ação fez parte de uma operação do Ministério Público do Trabalho, com a Polícia Federal e Ministério do Trabalho e Emprego.

Um dos trabalhadores resgatados relatou, em entrevista para a TV Bahia, que viva em desespero, chorava muito e passou dias sem banheiro, sem água potável e bebendo água em uma cisterna suja.

Segundo a denúncia, os trabalhadores ganhavam abaixo de meio salário mínimo. Eles agora irão receber três parcelas de seguro desemprego e alguns serão encaminhados para o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) de Itabuna.

O dono da fazenda irá responder pelo crime de trabalho escravo e deverá pagar também uma multa.

[Varela Notícias]

www.vejabaixagrande.com.br

Adolescente de 17 anos mata namorada de 16 após suspeita de traição em Irecê-BA

 

Uma adolescente de 16 anos foi encontrada morta em um matagal no município de Irecê, no norte da Bahia. O principal suspeito do crime, que foi apreendido, é o namorado da vítima, um adolescente de 17 anos.

Investigações preliminares apontam que o jovem responsável pela morte estava desconfiado de uma traição.

A vítima, identificada como Fernanda da Silva Soares, foi assassinada a tiros e pedradas. Ela foi encontrada morta no dia 23 de agosto, três dias após ter sido considerada desaparecida. Fernanda foi localizada em uma região conhecida como "Estrada da Esagri".

De acordo com a Polícia Civil, câmeras de um imóvel próximo ao local onde vítima foi encontrada e e o depoimento de uma testemunha, que viu o casal no local do crime, levaram a polícia até o namorado da vítima.

Localizado, o adolescente foi encaminhado para a delegacia. Na casa dele, a polícia diz que foram encontradas as roupas usadas no crime. A camisa e a bermuda apresentavam marcas de sangue.

O adolescente negou o crime, mas foi apreendido. Segundo a delegacia local, foi lavrado um auto de apreensão em flagrante por ato infracional equivalente ao crime de feminicídio. O jovem está sob os cuidados do Ministério Público da Bahia (MP-BA).

As roupas apreendidas foram encaminhadas para perícia no Departamento de Polícia Técnica (DPT). A polícia detalhou que, duas semanas antes do crime, o adolescente foi encaminhado à Fundação da Criança e do Adolescente (Fundac) por ato infracional análogo ao crime de roubo, mas foi liberado após sete dias.
[G1BA]

www.vejabaixagrande.com.br

Jovem de 14 anos é morto em sofá da casa de suposto amigo na Vitória da Conquista; suspeito diz que arma disparou acidentalmente

Um adolescente de 14 anos foi morto com um tiro, em um sofá da casa de um suposto amigo na cidade de Vitória da Conquista, localizada na região sudoeste da Bahia. Suspeito de cometer o crime, o amigo alegou que a vítima foi atingida por um disparo acidental.

O crime ocorreu por volta das 8h30 do último domingo (27), na Rua D, bairro Jardim Copacabana. Segundo informações da Polícia Civil, a vítima foi Alan Lima Mendes. O disparo atingiu o braço direito da vítima e, depois, o tórax. A bala ficou alojada nas costas, conforme a polícia.

O amigo dele, Jucimar Souza dos Santos, compareceu espontaneamente na delegacia da cidade no dia seguinte e, conforme a polícia, alegou que estava mostrando um revólver para a vítima quando a arma disparou acidentalmente.

A polícia não acredita nessa versão e diz trabalhar com a hipótese de execução por conta de dívida de drogas. O delegado Marcelo Cavalcanti afirmou que, apesar dessa suspeita, Jucimar não ficou preso porque o prazo do flagrante já tinha passado e também pelo fato de ele ter se apresentado espontaneamente. O investigador ressaltou, no entanto, que a polícia vai pedir a prisão do suspeito.

"Ele disse que estava mostrando a arma para o amigo e que a arma disparou sozinha, mas como o Alan já tinha passagem por tráfico, acreditamos que isso tenha relação. O suspeito nega o crime e envolvimento com o tráfico. Também diz que Alan não estava envolvido, mas sabemos que estava. Acreditamos que a morte foi para quitar dívida", relatou o delegado.

[G1 BA]

www.vejabaixagrande.com.br

Criminosos invadem casa e matam jovem que dormia na mesma cama que mulher e filho, em Feira de Santana

Dois criminosos armados invadiram uma casa e mataram um jovem de 22 anos, na madrugada desta quinta-feira (31), na cidade de Feira de Santana, a cerca de 100 km de Salvador. Segundo a Polícia Civil, a vítima dormia na mesma cama que a mulher e o filho, uma criança de 3 anos, quando ocorreu o crime. O garoto e a mulher não foram baleados.
Conforme a polícia, após a ação, os criminosos fugiram da casa da vítima, localizada no bairro Eucalipto. O corpo do homem foi encaminhado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Feira de Santana, onde será periciado. Ainda não há informações sobre a autoria e motivação do crime.
Violência

Este é um dos três casos de homicídio registrados na cidade durante a madrugada desta quinta-feira. No bairro Parque Ipê, por volta de 1h, um casal de jovens foi morto a tiros. De acordo com informações da Polícia Civil, o crime ocorreu dentro da casa onde as vítimas moravam há cerca de um mês. Os jovens foram identificados como Bruna Vitória da Silva Vieira, de 18 anos, e Antônio Gabriel Silva de Araújo Júnior, de 24.

Já no distrito de Humildes, uma garota foi encontrada morta, também por volta de 1h. O corpo da vítima estava com as mãos amarradas, e tinha cerca de 15 perfurações de tiros. Segundo o delegado João Uzzum, plantonista que fez o levantamento cadavérico da vítima, a garota ainda não foi identificada, mas aparenta ter aproximadamente 15 anos.
Conforme a polícia, ainda não há informações sobre a autoria e a motivação dos crime. Os casos serão investigado pela Delegacia de Homicídios (DH) de Feira de Santana.

[G1 BA]

www.vejabaixagrande.com.br

Adolescente de 14 anos sai de casa para ir à escola e desaparece em Vitória da Conquista, na Bahia

ma adolescente de 14 anos desapareceu após sair de casa para ir à escola, em Vitória da Conquista, sudoeste da Bahia. Até a manhã desta terça-feira (29), a família de Milena da Silva Chagas ainda não tinha notícias da garota.

A mãe da jovem, Rosângela Moreira, conta que ela saiu de casa no dia 21 de agosto [segunda-feira] e desde então não retornou.

"Um homem ligou do número dela, do próprio celular dela, falando para a gente que ela estava bem, que não preocupasse não. Eu não sei quem era no telefone. Pedi para falar com minha filha, mas não deixaram. Em momento nenhum a gente ouviu a voz dela", contou a mãe ao G1.
Rosângela prestou queixa na delegacia da cidade, mas a polícia ainda não tem pistas de onde a menina pode estar.

"Depois, uma mulher também ligou do celular dela e disse que ia deixar ela em um ponto de ônibus, mas não deixou. Eu estou desesperada, não aguento mais essa situação. É uma menina que a gente não sabe com quem está. Eu já não sei o que pensar mais", desabafou.

Redes Sociais

De acordo com a família, a polícia orientou que o desaparecimento fosse divulgado nas redes sociais, para saber se alguém poderia ter pistas. No entanto, a mãe da adolescente continua sem respostas.

No dia que a garota sumiu, Rosângela procurou a escola onde ela estuda para ter pistas de onde ela poderia ter ido. A vice-diretora, Maria Antônia Tigre, informou que, naquele dia, a menina não tinha ido para a aula e que costumava faltar com frequência.

"Milena é uma adolescente normal, levava uma vida normal. Levantava de manhã, escovava os dentes, tomava seu café. O que ela mais gostava de fazer é limpar a casa para mim e se arrumar, coisas da adolescência", lembra Rosângela.

A mãe de Milena disse que ela é tranquila e não tinha namorado. A adolescente também não fez contato com nenhum com os amigos desde que desapareceu.

[G1 BA]

www.vejabaixagrande.com.br

Jovem morre após espingarda explodir em suas mãos em São Gonçalo dos Campos-BA

Antônio Marcos Souza Silva de 21 anos, morreu na tarde de segunda-feira (28), na cidade de São Gonçalo dos Campos a cerca de 29 quilômetros de Conceição do Jacuípe.

Segundo a ocorrência polícia, o jovem foi vítima de um tiro de espingarda, após a arma explodir de forma acidental. Ferido no rosto, a vítima foi encontrada morta por populares no loteamento de César, mesmo município que morava.

O delegado José Eugênio Filho presidiu o levantamento cadavérico, e autorizou a remoção do corpo para o Departamento de Policia Técnica (DPT) de Feira de Santana.

[Berimbau Notícias]

www.vejabaixagrande.com.br

Pacientes de Tapiramutá-BA, com fraturas passam a noite do lado de fora de hospital à espera de socorro em Salvador

 

Dois homens trazidos de cidades do interior da Bahia para serem atendidos no Hospital Geral do Estado (HGE), em Salvador, tiveram que passar a noite no estacionamento da unidade de saúde, dentro de ambulâncias, por falta de vagas. Com fraturas graves, os pacientes esperaram por horas e chegaram a procurar socorro em outros hospitais da capital baiana até serem atendidos na unidade.

Um dos dois pacientes foi o motociclista Tácio Oliveira, de 24 anos, que sofreu um acidente de moto, no domingo (27). O homem percorreu cerca de 360 km entre a cidade de Tampiramutá a Salvador, em uma ambulância do município. A vítima passou por três hospitais da capital baiana até chegar no HGE, onde precisou esperar horas, com fortes dores.

"Estou me sentindo humilhado, porque vim para um setor desse, de um hospital de um porte desse, e chegar aqui com uma fratura exposta dessa e eles virarem a cara", desabafou Tácio Lima.

A técnica de enfermagem Cleia Alves, que acompanhava a vítima na ambulância, também falou sobre o caso."Uma fratura esposta ficar esperando uma regulação. Isso não existe. Vai ficar sangrando, o risco de infecção é grande", destacou.

"Ele nem dormiu. Sem poder tomar água, porque a qualquer momento que chamar para fazer a cirurgia, ele não pode estar nem alimentado e nem tomar líquido, né? Passou a noite assim. Até no banheiro ele não foi", completou a mulher do paciente, Marilda Lima.

Outro homem que aguardava atendimento no estacionamento do HGE foi Valnei Santos, de 34 anos. Ele percorreu cerca de 400 km entre as cidades de Miguel Calmon e Salvador.

O paciente chegou ao hospital com uma fratura exposta na perna e outra no ombro. A vítima passou por dois hospitais antes de chegar ao HGE. Ele foi acompanhado pela irmã, que estava desesperada por ver o rapaz sangrando e com dores.


"A única coisa que a gente pode fazer é ir no hospital. Chega no hospital, amanhece o dia e até agora nada. Ninguém tem pena de ninguém. Esse povo parece que não tem coração", irmã da vítima.

Os pacientes só foram atendidos após as 10h. Eles foram internados na unidade de saúde e devem passar por cirurgias. Em nota, a Saúde do Estado da Bahia (Sesab) informou que há uma regulação e que os municípios precisam aguardar uma vaga para depois deslocar o paciente.
[G1BA]

www.vejabaixagrande.com.br

Canoa com 4 ocupantes vira em rio na Bahia; jovem está desaparecido

 

Uma canoa que levava quatro pessoas virou na tarde de domingo (27), em um rio do povoado de Cipoal, no município de Governador Mangabeira, recôncavo baiano. De acordo com a Polícia Militar, três dos ocupantes da embarcação conseguiram se salvar e um rapaz de 24 anos está desaparecido.

O Corpo de Bombeiros realizou buscas até o anoitecer de domingo (27), mas não obteve sucesso. A procura deve ser retomada ainda na manhã desta segunda-feira (28).

Segundo o Corpo de Bombeiros, o grupo que estava na canoa não era morador da região. Eles visitam a localidade e pegaram uma canoa que estava amarrada na beira do rio, para tentar atravessar para o outro lado. No entanto, a correnteza estava forte e uma marola virou a embarcação. Os três conseguiram se salvar, mas um dos ocupantes está desaparecido.
[G1BA]

www.vejabaixagrande.com.br

Adolescente embriagado atropela família no DF, mata duas mulheres e um recém-nascido

Um adolescente embriagado atropelou cinco membros de uma mesma família na manhã deste domingo na Avenida Principal, no Distrito Federal. O jovem perdeu o controle do carro ao realizar uma curva no bairro do Gama e atingiu um avô, suas duas filhas e duas crianças — um menino de 2 anos e um recém-nascido, que morreu com o impacto, segundo a Polícia Militar. As duas jovens mulheres também perderam a vida no acidente.

A família realizava uma caminhada matinal pela calçada quando foi pega pelo veículo. Morreram no local Ruth Ester de Jesus Carvalho, de 22 anos, Gabriela de Jesus Carvalho, de 19, e E.H.J.C, de 6 meses.

O avô e o neto mais velho foram levados ao Hospital Regional do Gama. Os sobreviventes estão internados em estado estável, segundo a PM. O bebê de 2 anos apresentava pequenas escoriações e estava consciente, de acordo com o Corpo de Bombeiros do DF.

O atropelamento ocorreu às 8h34m, próximo à Vila Roriz. Depois de se chocar contra um poste, o adolescente capotou com o carro e foi para cima da família. Ele tentou fugir ao correr para o matagal. Testemunhas foram atrás do motorista e acionaram a polícia, que conseguiu capturá-lo.

O jovem foi encaminhado à 20ª Delegacia de Polícia, na qual ficou constatada a embriaguez e a menoridade do motorista. Ele então foi encaminhado para a Delegacia da Criança e do Adolescente, na Asa Norte.[Extra]

www.vejabaixagrande.com.br

Homem mata ex-companheira a pauladas por não se conformar com fim de relacionamento

 

Uma jovem de 21 anos foi morta a pauladas, no último domingo (27), na cidade de Jaguarari, norte da Bahia. O ex-companhaeiro de Graciela de Souza Dias foi preso horas após o crime e confessou ter matado a jovem por não se conformar com o fim do relacionamento.

Em nota, a Polícia Civil informou que por volta das 2h da manhã de domingo, tomou conhecimento que havia acontecido um homicídio na Rua do Campo. Policiais foram ao local e constataram o fato. Segundo Felipe Néri da Silva Neto, coordenador regional de Polícia Ciivil de Senhor do Bonfim, a 25 quilômetros de Jaguarari, e para quem a delegacia de Jaguarari responde, o suspeito utilizou um pedaço de madeira para atacar a vítima.

Durante as investigações, foi descoberto que havia uma testemunha ocular do fato. Em depoimento, a testemunha identificada pelo prenome Erick negou que o autor fosse o ex-companheiro da vítima.

Ainda segundo a Polícia Civil, as investigações continuaram e uma outra testemunha foi identificada. Essa testemunha declarou ter ouvido a vítima afirmar, poucas horas antes de ser morta, que seu ex-companheiro, de nome João Bonfim da Silva, 42 anos, estava nas proximidades de sua residência e que temia por sua vida, pois, o mesmo não se conformava com o fim do relacionamento.

Com a informação, diligências foram realizadas necessárias e o suspeito foi detido. Em depoimento, ele confessou a autoria do crime. João foi apresentado na delegacia de Senhor do Bonfim, onde foi lavrado o auto de prisão em flagrante. Na manhã desta segunda-feira (28), o suspeito ainda permanecia na carceragem da delegacia, a disposição da Justiça.
[G1BA]

www.vejabaixagrande.com.br

Informações Adicionais

Veja Baixa Grande