Guaratinga, no sul da BA, tem 2º tremor de terra em menos de 15 dias; abalo alcançou 2,1 na escala Richter

A cidade de Guaratinga, no sul da Bahia, teve outro tremor de terra no início da tarde desta segunda-feira (11). De acordo com Centro de Sismologia da Universidade de São Paulo (USP), o abalo alcançou 2,1 na escala Richter. Este é o segundo tremor registrado no município em menos de 15 dias. Ninguém ficou ferido.

De acordo com os moradores da região, o fenômeno desta segunda-feira ocorreu por volta das 12h, e durou alguns segundos. A população conta que ouviu um estrondo e, em seguida, o chão tremeu. Os moradores da cidade ficaram assustados. Contudo, de acordo com a Defesa Civil da cidade, não houve danos materiais.

O primeiro tremor em Guaratinga ocorreu no dia 28 de janeiro, e alcançou 2,5 na escala Richter. Uma semana depois, no dia 4 de fevereiro, uma rocha se desprendeu de uma montanha, entre os povoados de São João do Sul e Buranhém, na zona rural do município. Ninguém ficou ferido.

A suspeita da Defesa Civil é de que o primeiro tremor de terra tenha provocado a queda da rocha. O órgão pediu um estudo geológico à prefeitura para saber se há risco de novos desprendimentos de rochas.

Ainda de acordo com a Defesa Civil, essa foi a segunda vez que o problema aconteceu nessa área. Em maio do ano passado, parte da rocha cedeu e causou uma avalanche de pedras. g1ba

Informações Adicionais

Veja Baixa Grande