Suspeitos do ataque a bancos em Jeremoabo são presos com armas e dinheiro durante fuga na BR-101

Seis homens suspeitos de participar do ataque que deixou duas agências bancárias parcialmente destruídas, na cidade de Jeremoabo, no norte do estado, foram presos nesta quarta-feira (9), horas após o crime, segundo informações da Secretaria da Segurança Pública da Bahia (SSP-BA).

Conforme a SSP, o grupo que agiu na madrugada desta quarta-feira (9), foi interceptado por policiais militares e federais, durante a fuga, na BR-101, nas proximidades da cidade de Esplanada, a cerca de 197 km de Jeremoabo. Eles estavam divididos em dois carros, com placas de Salvador e Lauro de Freitas. Os veículos foram apreendidos.

Com os suspeitos, segundo a SSP, foram encontrados uma pistola, três espingardas calibre 12, munição calibre 44, parte do dinheiro roubado em Jeremoabo e oito celulares. O valor levado no roubo e a quantia recuperada não foram divulgados. As agências atacadas foram do Bradesco e do Banco do Brasil. Os criminosos usaram explosivos durante a ação.

Os homens foram identificados pela polícia como Hugo Ferreira da Silva, Adriano Santos Pereira, Ricardo Aparecido Sena, Washington Santos de Jesus, Gabriel Henrique da Silva e Marcos Vinícius Conceição.

Após a prisão, segundo a SSP, os suspeitos foram encaminhados para sede da Polícia Federal, em Salvador, junto com o material apreendido (Informações do G1 Bahia).

Informações Adicionais

Veja Baixa Grande