Estudante mata mãe a facadas e fere duas vizinhas

O estudante Felipe Farina Garcia, 25 anos, foi preso suspeito de matar a mãe, Suely Guerra Farina, 59, a facadas e ferir duas vizinhas em um condomínio na zona sul de São Paulo, na terça-feira (23).

Segundo informações do portal G1, testemunhas disseram à Polícia Civil que o jovem andava paranoico com questões religiosas e se apresentava como Jesus Cristo. Ainda de acordo com o G1, no apartamento do suspeito foi encontrada uma pequena plantação de maconha.

Vizinhos disseram, em depoimento, que Suely e Felipe viviam sozinhos e tinham um histórico de brigas. O crime, inclusive, teria ocorrido durante mais uma discussão entre mãe e filho. O G1 informou também que, após a agressão, Suely conseguiu sair do apartamento e correu em direção às escadas, mas foi alcançada pelo filho no andar de baixo.

Três vizinhas teriam presenciado a situação e ao tentarem ajudar Suely duas delas foram esfaqueadas. A terceira conseguiu fugir e se trancou em um quarto de seu apartamento. Outros vizinhos chamaram a polícia e Felipe foi detido no prédio.

O estudante foi autuado em flagrante por homicídio e pela tentativa de outros dois assassinatos. Segundo o G1, ele também irá responder pelo crime de tráfico. Correio24H

www.vejabaixagrande.com.br

Grávida morre após ter barriga cortada para roubo de bebê

Greiciara Belo Vieira, 19 anos, grávida de nove meses, foi assassinada para ter o bebê que estava esperando retirado da barriga e roubado em Minas Gerais. Quatro dos seis acusados pelo crime foram apresentado à imprensa na terça-feira (23), com dois foragidos. Shirley de Oliveira Benfica, 39, é apontada como a mandante. Ela estava enganando o namorado fingindo uma gravidez e, por isso, precisava de um bebê para completar o golpe.

A polícia diz que Vieira estava viva quando teve a barriga cortada para retirada do bebê. Moradora de Uberlândia, a 537 km de Belo Horizonte, ela foi sequestrada lá e levada até uma cidade próxima, Ituiutaba, onde foi morta. Ela desapareceu na quinta e teve o corpo encontrado no domingo (21).

O delegado Carlos Antônio Fernandes diz que Shirley Benfica organizou o crime e contratou os executores depois de inventar uma falsa gravidez para família e namorado. Há oito meses, quando o namorado tentou terminar a relação com ela, Shirley disse que estava grávida, em uma tentativa de impedir o fim do namoro, o que inicialmente deu certo.

"A mandante do crime apresentava a familiares e ao namorado ultrassons que falsificou, dizendo que o parto seria esta semana. Ela chamou os autores e disse que precisava de uma criança", afirmou Fernandes ao Uol.

Para manter a mentira da gravidez, Benfica pediu a uma amiga, a técnica de enfermagem Jacira de Oliveira, 48, que conseguisse uma criança para ela adotar. As duas entraram em contato com Lucas Mateus da Silva, 22, que indicou Greiciara Vieira como uma possível vítima.

Lucas marcou encontro com Greiciara, que ele conhecia, na quinta, dizendo que queria entregar um presente para o bebê. Depois, a convidou para uma festa. A grávida fumou maconha e depois bebeu refrigerante que estava com um medicamento. Passando mal, ela aceitou uma carona oferecida por Shirley, que também estava no local.

A grávida foi levada por Shirley, pela técnica de enfermagem, por Lucas e por Jonathan Martins Ribeiro de Lima, 24, conhecido como Yasmin, que também estava na festa, para um matagal perto de uma represa em Ituitaba.

Roubo do bebê e morte
O grupo usou éter para fazer a grávida desmaiar, mas não teve efeito. A técnica em enfermagem fez uma incisão quando a grávida ainda estava viva. Ainda acordada, ela teve a criança retirada da barriga e depois foi enforcada até a morte.

Segundo o delegado, a mandante dizia para todos que não estava com muita barriga de grávida porque tinha feito uma abdomenoplastia (cirurgia para retirada de gordura e pele) e a criança estaria por baixo da costela. "Eles acreditaram", diz o delegado.

O bebê foi encontrado em bom estado de saúde na casa de uma babá contrata para cuidar dele - ela não tinha conhecimento do crime. A criança foi internada no Hospital das Clínicas de Uberlândia. Os acusados pelo crime podem pegar até 40 anos de prisão. Correio24H

www.vejabaixagrande.com.br

Proprietário do Comercial Rubi em Baixa Grande sofre acidente fatal na BA-052

Por volta das 10:30 da manhã desta quarta-feira, 24 de agosto de 2016, o proprietário da Comercial Rubi em Baixa Grande de prenome Rubens, colidiu de frente com uma carreta da Itaipava, o acidente aconteceu na BA-052 (Estrada do Feijão), sentido a Ipirá, cerca de 12 KM da sede do município, na entrada que vai para o Povoado de Mandacaru.

O mesmo estava em seus veículo uma strada de cor vermelha. Este trecho na estrada está muito esburacado fazendo com que em alguns pontos os veiculo vá pra outra mão o que pode ter provocado este acidente, A vitima foi socorrido a o hospital de Baixa Grande, mas já chegou sem vida. Faleceu deixando esposa e um filho de 9 anos.

Fonte: www.baciadojacuipe.com.br
Autor(a): Ediomário Catureba

www.vejabaixagrande.com.br

Prefeito e vice de Caatiba são afastados por improbidade

O prefeito de Caatiba Joaquim Mendes de Sousa Júnior e a vice Maria Tânia Ribeiro Sousa foram afastados dos cargos pela Justiça Federal. O afastamento ocorreu nesta segunda-feira, 22, mas a informação foi divulgada nesta quarta, 24.
Eles são acusados de improbidade administrativa por fraude em licitações e desvio de verbas públicas destinadas à educação municipal. Também foi determinado o bloqueio de bens até o valor de R$ 1.154.000,00 dos políticos e de mais 12 envolvidos em irregularidades.
O afastamento acata pedido feito pelo Ministério Público Federal (MPF), em consequência de investigações da Operação Mato Cerrado, deflagrada em conjunto com a Polícia Federal, Receita Federal e Controladoria-Geral da União em julho deste ano.
Segundo o MPF, foi identificado que o grupo superfaturava notas fiscais e se apropriavam de verba pública. O esquema envolvia fraude em licitações para contratar cooperativas constituídas irregularmente.
Além do prefeito e da vice, o MPF também afirma que a esposa do prefeito, Kelle Geyse Santana Santos Mendes - ex-secretária da Saúde do município, e o secretário de Administração, Thiago Lemos Cardoso Luz, também estão envolvidos no esquema.

A equipe do Portal A TARDE entrou em contato com a prefeitura, mas funcionários informaram que somente a assessoria jurídica poderia falar sobre o assunto a partir de quinta, 25, quando o responsável pelo setor estará na sede do governo municipal. atarde

www.vejabaixagrande.com.br

Presos com armas, ciganos suspeitos de matar gêmeos são soltos na BA

Os cinco ciganos presos na sexta-feira (19), no município de Simões Filho, na região metropolitana de  Salvador, por porte ilegal de arma foram soltos pela Justiça na segunda-feira (22).

A informação foi confirmada ao G1 nesta quarta-feira (24) pelo advogado dos presos, Abdon Abade, e pela Vara Crime de Simões Filho. Com eles, havia sido apreendido a quantia de R$ 22.142, armamento restrito ao uso militar, facões e munição.

Segundo o advogado, eles já foram indiciados pela polícia pelas mortes dos gêmeos Silvio Cezar Carvalho Santos e Cezar Silvio Carvalho Santos, de 45 anos e responderão pela acusação em liberdade. O crime ocorreu no dia 17 de agosto, em Salvador, e pode ter sido cometido por vingança por causa do assassinato de um cigano, ocorrido em 2014. A revogação da prisão preventiva foi sobre o crime de porte ilegal de arma.

Os homens têm entre 29 e 62 anos. Eles estavam detidos na 1ª Delegacia e foram soltos após o pagamento de fiança de 10 salários mínimos para cada um deles. De acordo com o advogado, a Justiça entendeu que os homens eram réus primários e sem antecedentes criminais, por isso não haveria motivo para o pedido de prisão preventiva. Abdon Abade diz ainda que o Ministério Público deu parecer favorável à soltura dos suspeitos.

Os cinco ciganos presos na sexta-feira (19), no município de Simões Filho, na região metropolitana de Salvador, por porte ilegal de arma foram soltos pela Justiça na segunda-feira (22).
A informação foi confirmada ao G1 nesta quarta-feira (24) pelo advogado dos presos, Abdon Abade, e pela Vara Crime de Simões Filho. Com eles, havia sido apreendido a quantia de R$ 22.142, armamento restrito ao uso militar, facões e munição.
Segundo o advogado, eles já foram indiciados pela polícia pelas mortes dos gêmeos Silvio Cezar Carvalho Santos e Cezar Silvio Carvalho Santos, de 45 anos e responderão pela acusação em liberdade. O crime ocorreu no dia 17 de agosto, em Salvador, e pode ter sido cometido por vingança por causa do assassinato de um cigano, ocorrido em 2014. A revogação da prisão preventiva foi sobre o crime de porte ilegal de arma.
Os homens têm entre 29 e 62 anos. Eles estavam detidos na 1ª Delegacia e foram soltos após o pagamento de fiança de 10 salários mínimos para cada um deles. De acordo com o advogado, a Justiça entendeu que os homens eram réus primários e sem antecedentes criminais, por isso não haveria motivo para o pedido de prisão preventiva. Abdon Abade diz ainda que o Ministério Público deu parecer favorável à soltura dos suspeitos.

Prisão

Os cinco homens foram presos durante uma operação das Polícias Civil e Militar, que cumpriram mandados de busca e apreensão na região na sexta-feira. Eles negaram em depoimento a participação nas mortes dos gêmeos.
Conforme a polícia, com os ciganos foram encontradas 12 armas, dentre elas 2 rifles, pistolas, revólveres, escopeta, pistola Glock, além de facões e muita munição.
As armas foram encaminhadas para o Departamento de Polícia Técnica (DPT), onde passarão por perícia que deve apontar se alguma delas foi usada no crime contra os irmãos ou em outros. A polícia investiga também se os homens realizavam o comércio do armamento, por conta da quantidade de armas apreendidas com eles.
Agendas com anotações que podem ter relação com o empréstimo de dinheiro com juros, fora do mercado de crédito legítimo, popularmente conhecido como agiotagem, também foram encontradas com os homens, informou a polícia. g1bahia

Jovem é achado morto em cova com parte do corpo à mostra na Bahia

Um jovem de 23 anos foi encontrado morto enterrado no distrito de Muribeca, na cidade de São Francisco do Conde, na região metropolitana de Salvador, no final da manhã de segunda-feira (22). De acordo com a polícia, o suspeito do crime foi preso e confessou ter matado o rapaz.
O corpo foi localizado por populares na Rua de Cima da Capelinha porque o braço estava à mostra. Segundo a polícia, a vítima é suspeita de tráfico de drogas e já tinha sido preso pelo mesmo crime.

O suspeito era integrante da mesma quadrilha que a vítima fazia parte e não retornou à prisão após o indulto do Dia dos Pais. Segundo a polícia, o homem teria matado o jovem por conta de uma dívida. O corpo da vítima foi levado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Santo Amaro. g1bahia

www.vejabaixagrande.com.br

Suspeito de roubar cartões do Bolsa Família é preso em Feira

Um homem foi preso suspeito de roubar cartões do Bolsa Família no bairro Viveiros, na cidade de Feira de Santana, a 100 quilômetros de Salvador, na noite de segunda-feira (22). De acordo com a Polícia Civil, ele também é suspeito de roubar cartões cidadão e cadernetas de poupança.
Segundo a polícia, o homem, de 34 anos, aplicava golpes sacando o benefício em nome das vítimas. Com ele foram encontrados 27 cartões de beneficiários dos programas sociais, 21 carteiras de trabalho, dinheiro e uma quantidade de maconha. De acordo com a polícia, o suspeito e o material apreendido foram encaminhados para uma delegacia da região. g1bahia

www.vejabaixagrande.com.br

Menor é suspeita de matar mãe e atear fogo em pai e madrasta na Bahia

Uma adolescente de 14 anos é suspeita de matar a mãe a pedradas, atear fogo no pai e queimar a madrasta no município de Jussiape, na região da Chapada Diamantina. O caso ocorreu na segunda-feira (22), em um povoado conhecido como Paixão. Pai e madrasta estavam dormindo quando foram incendiados com gasolina pela garota. Eles estão internados.
De acordo com a Polícia Militar, a situação foi registrada durante a madrugada e a denúncia chegou à corporação por meio do Conselho Tutelar. A PM detalha que esteve no hospital de Jussiape, onde confirmou a entrada da madrasta da jovem. Ela apresenta queimaduras no corpo e confirmou à polícia que a agressão foi cometida pela enteada.
O pai da adolescente, que também teve o corpo incendiado, foi encaminhado em estado grave para um hospital do município de Vitória da Conquista. Não há informações detalhadas sobre o estado de saúde.
Após obter os relatos sobre o pai e madrasta da jovem, a PM diz que seguiu para o povoado onde ocorreu o caso. No local, o avô paterno confirmou a violência e contou que a neta tinha fugido por uma região de matagal. Testemunhas acrescentaram que a mãe biológica da jovem saiu em busca dela.
Já pela tarde, por volta das 17h, a PM afirma que recebeu informações de populares de um corpo encontrado na mata. No local, foi constatado que a vítima era a mãe da jovem procurada. Investigações preliminares apontam que a vítima encontrou a filha, que ambas entraram em luta corporal e que a jovem acertou a mãe a pedradas. O corpo dela foi encaminhado para o Departamento de Polícia Técnica de Brumado (DPT), na região sudoeste.
A PM detalha que adolescente foi encontrada pela polícia e que familiares relataram que ela enfrenta problemas psicológicos. Equipes de investigação da Polícia Civil estão no povoado, na manhã desta terça-feira (23), onde apuram as circunstâncias do caso. g1bahia

www.vejabaixagrande.com.br

Três pessoas morrem em acidente envolvendo três carros na Bahia

Três pessoas morreram e outras três ficaram feridas em um acidente de carro na BR-242, ocorrido na manhã desta terça-feira (23), no município de Itaberaba, região da Chapada Diamantina, na Bahia. As informações são da Polícia Rodoviária Federal (PRF).De acordo com a PRF, as vítimas viajavam em três carros. Os veículos colidiram por volta das 6h30. Com o impacto da colisão, os carros ficaram completamente destruídos.
Com a batida, um deles chegou a capotar e ficou atravessado na rodovia. Não há informações sobre o que teria causado o acidente.

Com a batida, um deles chegou a capotar e ficou atravessado na rodovia. Não há informações sobre o que teria causado o acidente.
Segundo a PRF, o Corpo de Bombeiros da cidade foi chamado para socorrer as vítimas. Os feridos foram encaminhados para o hospital, mas a PRF não soube informar para qual. Não há informações sobre o estado de saúde dos sobreviventes.
Os corpos foram encaminhados para o Instituto Médico Legal (IML) da região. As vítimas ainda não foram identificadas. g1bahia

www.vejabaixagrande.com.br

Babá confessa que afogou a filha, esquartejou e escondeu os pedaços na panela de pressão

A babá Renata Cerqueira, que denunciou no sábado (20) o sequestro do filho, em Porto Seguro, confessou à polícia que afogou e esquartejou o bebê de dois meses. Ela foi presa na segunda-feira (22), horas depois de ele ter sido achado dentro de uma panela de pressão, na casa dela.

De acordo com informações do G1, Inicialmente, a mãe falou em depoimento que a criança morreu afogada em uma banheira. Depois, ela mudou a versão e confessou à policia ter cometido o crime. Renata diz ter matado o filho na tarde de sábado (20), quando afogou em um vaso sanitário e dividiu o corpo da criança em partes.

Segundo a titular da 23ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Coorpin), Valéria Chaves, a babá disse que matou o próprio filho porque se sentia cansada de ter que criar a criança sozinha, sem a presença do pai.

Segundo a polícia, Renata conta que, após matar o filho, escondeu partes do corpo em uma panela de pressão e outra em uma sacola plástica, guardada no quarto da mãe que mora com ela. Depois, ela decidiu forjar o sequestro ao contar à polícia sobre o sumiço do bebê. A polícia chegou a fazer buscas e ouviu testemunhas que disseram ter visto uma mulher saindo da casa no dia do crime.
Ainda segundo o depoimento, na tarde de segunda-feira, Renata esperou que a mãe saísse de casa, para participar do protesto contra o suposto sumiço do menor, para colocar a panela de pressão com partes do corpo da criança na cozinha.

Quando retornaram, a avó da criança percebeu o mau cheiro que vinha da panela, com o corpo em estado de decomposição. A polícia foi acionada e fez buscas pela casa pela outra parte do corpo da criança, que acabou encontrada no quarto da avó.

Segundo o G1, Renata responderá pelos crimes de homicídio qualificado, ocultação de cadáver e falsa comunicação de crime, porque relatou o falso sequestro. A polícia não informou o local que ela está detida, mas disse que segue à disposição da Justiça. acordacidade

www.vejabaixagrande.com.br

MPF denuncia organização criminosa por prejuízo de R$ 10 milhões à Caixa

O Ministério Público Federal em Feira de Santana (MPF/BA) denunciou à Justiça Federal, na última sexta-feira (19), uma organização criminosa acusada de causar prejuízo de R$ 10 milhões à Caixa Econômica Federal. A investigação resulta da Operação Ali Babá - da Polícia Federal, iniciada em 2013 em Feira de Santana, a 120km de Salvador – e identificou o envolvimento de 11 pessoas que, no momento, encontram-se presas.ahia, teria sido liderada há mais de dez anos, segundo o MPF, pelo suspeito David Augusto Filgueiras Viana, e estava sob investigação desde 2013. Os denunciados criavam empresas jurídicas fantasmas e utilizavam “laranjas” — intermediários em operações financeiras ilícitas — para abrir contas e contrair empréstimos em diversos bancos, incluindo a Caixa.

“A organização criminosa não quitava as dívidas. Houve obtenção de vantagem financeira indevida com o prejuízo alheio, o que implica em crime de estelionato”, afirmou o procurador da República Samir Cabus Nachef Júnior.

Segundo o MPF, David Viana já havia constituído mais de mil empresas de fachada, e utilizou sete nomes falsos para cometer os delitos. Ele deverá responder aos art. 171, §3º e 14, inciso II do Código Penal, por 22 atos de estelionato e tentativa de obter empréstimo fraudulento, além de ser enquadrado no art. 2, §3º, da Lei nº 12.850/13, por comandar a organização criminosa.

Os outros dez réus — Agnaldo dos Santos, Argilan Oliveira Franco, André Luiz Santos Braga de Souza, Joymmir Coutinho de Souza, Caroline Pereira Melo, Carlos André Alves de Araújo, Carlos Sydney Novais de Andrade, Claudinei Alves de Araújo, Marcelo Silva Araújo, e Carlos Eduardo de Andrade Pessoa — foram também enquadrados no art. 2 da Lei nº 12.850/13. Os quatro primeiros irão, ainda, responder por diversos crimes previstos no Código Penal, entre eles o de estelionato e o de falsidade ideológica. acordaciade

www.vejabaixagrande.com.br

Eleições 2016- TSE disponibiliza propostas de candidatos a prefeito em Baixa Grande-BA

 Por exigência do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) é obrigatória a apresentação das propostas de governo de candidatos a prefeito, porém estas propostas podem ser apenas superficiais, as exigências dos planos de governo não garantem as ações concretas de cada candidato, e servem apenas para os eleitores analisarem ou até mesmo cobrarem do prefeito após ser eleito.

No site do TSE estão desmobilizados os planos de governo de cada candidato, veja abaixo:

Gilvan Rios (PSD 55)- http://divulgacandcontas.tse.jus.br/…/buscar/arquivo/1008519

Heraldo Miranda (PMDB 15) - http://divulgacandcontas.tse.jus.br/…/buscar/arquivo/1093554

Pedro Lima Neto (PT 13) - http://divulgacandcontas.tse.jus.br/…/buscar/arquivo/1008385

 
Fonte: www.vejabaixagrande.com.br
Autor: Marcelo Barbosa JP

 

 

 

Recém-nascido é encontrado em saco dentro de casa abandonada

Um bebê recém-nascido foi encontrado dentro de um saco plástico no município de Jequié, no sudoeste da Bahia. A criança, que foi deixada dentro de uma casa abandonada, ainda estava com o cordão umbilical quando foi localizada.
O caso ocorreu no bairro de Brinco de Ouro, no sábado (20). De acordo com a Polícia Militar, pessoas que passaram pelo imóvel abandonado escutaram gemidos e acionaram a corporação. No local, encontrararam a menina recém-nascida, que foi socorrida para o hospital municipal.
Conforme a PM, o bebê está bem e segue na unidade médica à espera de uma decisão da Justiça. A polícia ainda não tem informações sobre a pessoa responsável pelo abandono. G1BA

www.vejabaixagrande.com.br

Homens são presos por oferecer cerveja a adolescentes de 15 anos

Murillo Xisto Freitas, de 26 anos, e Diego Onofre de Miranda Terra Nova, 27, foram flagrados, na sexta-feira (19), oferecendo bebidas alcoólicas a duas adolescentes de 15 anos, por uma equipe da 19ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin), em Senhor do Bonfim.

Ao apurar queixas dos pais das garotas, desaparecidas desde a quinta-feira (18), os policiais chegaram à casa de Murillo, no centro da cidade, onde elas foram encontradas. Segundo informações obtidas pelos investigadores, as adolescentes estavam há mais de 12 horas no imóvel, ingerindo cerveja na companhia dos dois homens.

Murillo e Danilo foram autuados em flagrante por servir bebida alcoólica a menores de 18 anos, crime previsto no Artigo 243 do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). Os dois estão custodiados na carceragem da Coorpin/Bonfim, à disposição da Justiça. As adolescentes foram entregues aos pais. Acorda Cidade

 www.vejabaixagrande.com.br

Bebê é achado morto em casa onde criança teria sido sequestrada

Um bebê foi encontrado morto dentro de uma panela de pressão, na casa de Renata Cerqueira, uma babá que denunciou no sábado (20) o sequestro do próprio filho, em Porto Seguro, no extremo sul da Bahia.
De acordo com a Polícia Civil, o corpo foi achado nesta segunda-feira (22) pela patroa de Renata, que tinha ido à casa da funcionária, por causa do desaparecimento do filho dela. Não há informações se o bebê encontrado na panela é o filho de Renata.

Conforme Valéria Chaves, responsável pela 23° Coordenadoria Regional de Eunápolis, quando a mulher chegou na casa da funcionária, a porta estava encostada e, por isso, ela resolveu entrar.
"Ao chegar no imóvel que estava vazio e com a porta aberta, a patroa de Renata começou a sentir um mau cheiro e investigou de onde vinha o odor. Quando ela abriu a panela de pressão, viu o corpo de um bebê e chamou a polícia. A mãe não estava na casa, pois haveria um protesto na cidade por conta do desaparecimento da criança", relatou Valéria.
Segundo a delegada, a mãe da criança desaparecida ainda não foi encontrada. A polícia disse que só poderá confirmar se a criança achada dentro da panela é a mesma que está desaparecida após um exame de DNA ou alguém confessar o crime.
Agentes da Polícia Civil realizam diligências em Porto Seguro. Ainda conforme a delegada, o caso será investigado pelo delegado Delmar Bittencourt.

Sequestro
Segundo a Polícia Civil, quando deninciou o suposto sequestro do filho, ela contou que a criança estava na sala de casa, dormindo em um carrinho, quando foi levada. Testemunhas informaram à polícia que uma mulher saiu da casa com a criança e fugiu do local em um carro.
Segundo o delegado plantonista Wendel Ferreira, ela contou que estaria nos fundos da casa, lavando roupas, e por conta do barulho do som na casa dos vizinhos, só percebeu o crime quando a avó do bebê chegou na casa e procurou a criança.
De acordo com as testemunhas ouvidas pela polícia, a mulher que teria levado o bebê tinha estatura mediana, pele morena e cabelo preso em um coque.
A criança morava com a mãe. O pai do bebê mora em outro local e já foi ouvido pela polícia, que descartou a participação dele no crime. Imagens de câmeras de segurança da região serão solicitadas pela polícia para ajudar na investigação. G1 Bahia

www.vejabaixagrande.com.br

Seis pessoas são detidas pela Polícia Civil com armas e drogas

Na tarde desta segunda-feira (22), a Polícia Civil prendeu quatro pessoas e apreendeu dois adolescentes, no bairro Rua Nova, em Feira de Santana, acusados de tráfico de drogas.

Entre eles estão Vinicius Ferreira Morais, de 22 anos, Genivaldo Souza Santana, 20, Alan Cardec dos Santos, 39, e Givanildo Borges Souza,31, além dos adolescentes. Com os acusados a polícia encontrou maconha, pinos com cocaína, duas balanças de precisão, uma quantia de dinheiro e um revólver calibre 38.

O delegado João Rodrigo Uzzum, corrdenador regional de polícia (1ª Coopin), disse ao Acorda Cidade que a polícia chegou até os acusados através de informações do serviço de inteligência. Ele disse também que está sendo investigada uma possível participação deles na chacina que aconteceu no último domingo.

De acordo com o delegado a maioria dos acusados já tem passagem pela polícia e as investigações prosseguem.

“A polícia continua trabalhando. Não estamos trabalhando com verdade absoluta. Encontramos com os acusados armas, drogas e dinheiro, característico do tráfico de drogas. A grande maioria já tem prisões anteriores. Vamos averiguar quais estão no estado de flagrante e encaminhar ao presídio. Na Rua Nova é presente o tráfico de drogas e inclusive atuação de uma das facções criminosas.  O recado que a gente dá é que a Policia Civil e a Polícia Militar vão apertar o cerco e tornar a vida deles muito difícil em Feira de Santana. O objetivo é elucidar esse crime e deixar claro para a população que ela pode confiar em sua policias”, completou. Acorda Cidade

www.vejabaixagrande.com.br

Suspeito de desvio de dinheiro é preso

Com passagens pela polícia por receptação e tentativa de homicídio, Wallas Rocha Dias Silva, de 25 anos, foi preso, novamente, no fim de semana, depois de flagrado com munições e dinheiro, por investigadores da Delegacia Territorial (DT), de Brumado.

Os policiais cumpriam um mandado de busca na casa do suspeito, no bairro Santa Teresa, quando encontraram seis munições para revólver calibre 38 e uma quantia em dinheiro que pode ter sido produto de desvios no caixa de uma empresa localizada na cidade.

Wallas foi autuado em flagrante, pelo delegado Cláudio Marques, pelo crime de posse irregular de munição e ficará custodiado na carceragem da DT/Brumado, à disposição da Justiça. Acorda Cidade

 www.vejabaixagrande.com.br

Quatro pessoas são presas em local com mil pés de maconha na Bahia

Quatro pessoas foram pressas em uma propriedade onde foram encontrados mil pés de maconha, na madrugada de domingo (21), na cidade de Curaçá, norte da Bahia, perto à divisa com o estado de Pernambuco. A informação foi divulgada pela Polícia Militar da Bahia nesta segunda-feira (22).

Conforme a PM, a ação aconteceu durante uma operação conjunta realizada em parceria com a PM de Pernambuco e com a Polícia Federal (PF)

O pés de maconha foram localizados no povoado de Riacho Seco, em um local conhecido como Ilha Redonda. Toda plantação foi erradicada ainda no domingo.

No local, a polícia também encontrou 260 kg de maconha pronta para o consumo, 1 kg de sementes da erva, uma espingarda calibre 32, uma pistola calibre ponto 40, um carregador e três cartuchos.

O suspeitos presos e o material apreendido foram encaminhados para a Delegacia de Juazeiro, também no norte baiano. g1bahia

www.vejabaixagrande.com.br

 

Detentos rendem carcereiro e fogem de delegacia no interior da Bahia

Dois detentos fugiram da delegacia de Elísio Medrado, a cerca de 150 quilômetros de Salvador, na noite de sexta-feira (19). Após buscas da polícia, os detentos continuam foragidos até a manhã desta segunda-feira (22).
De acordo com a Polícia Civil, um dos criminosos pediu ao carcereiro que levasse remédio, porque estaria com dor de cabeça e, quando foi levar o medicamento, ele acabou rendido e preso pelos fugitivos no local destinado ao banho de sol.
Segundo a polícia, os criminosos conseguiram violar as grades da cela para facilitar a fuga. Um deles saiu, se escondeu e conseguiu imobilizar o carcereiro para que o segundo saísse da cela. O carcereiro foi ameaçado de morte para que não gritasse por ajuda. O homem esperou cerca de 30 minutos para gritar por socorro e foi libertado. A Polícia Militar fez buscas pelos fugitivos, mas eles não foram localizados.

A polícia ainda não sabe como os detentos conseguiram serrar as grades e aguarda perícia técnica que será realizada no local. Os dois fugitivos eram os únicos detidos no complexo policial. Um deles respondia pelo crime de estupro e outro por porte ilegal de arma.g1bahia

www.vejabaixagrande.com.br

Cinco são mortos em chacina na Bahia

Cinco homens, ainda não identificados, foram mortos a tiros na madrugada deste domingo (21) no bairro Pedra do Descanso, em Feira de Santana, cidade a cerca de 100 km de Salvador. A Polícia Civil confirmou o crime e informou que a suspeita é de que o caso esteja relacionado com o tráfico de drogas.
Dois imóveis do bairro foram alvos de tiros e as marcas podem ser vistas nas paredes e portões das casas. Parte das telhas e a porta de um dos imóveis foram danificadas. Segundo moradores, o grupo que atirou nas vítimas jogou uma dinamite na entrada da casa.
Não há detalhes de quantas pessoas participaram da ação. A polícia investiga o crime, mas acredita que sete rapazes foram comprar drogas na localidade também conhecida como Portelinha. No momento do tiroteio, dois fugiram e cinco podem ter sido mortos por engano.
As investigações ainda apontam um rapaz de 24 anos como principal alvo dos atiradores. Ele foi atingido no abdômen e está internado no Hospital Clériston Andrade, em Feira de Santana. Não há detalhes do estado de saúde dele.g1bahia

www.vejabaixagrande.com.br

Informações Adicionais

Veja Baixa Grande